Eric Shiner

Quarta, 24 Outubro, 2012 - 18:00

ANDY WARHOL: CONSUPTION X PRODUCTION

O Carpe Diem Arte e Pesquisa convidou Eric Shiner, o director do Museu Andy Warhol, para realizar uma conferência sobre o icónico artista americano. Nesta ocasião, Shiner abordou os conceitos de consumo e produção e cruzou estes dois temas com a vida e a obra do artista: da infância de Warhol em Pittsburgh – onde se encontra o museu a que dá nome – ao sucesso enquanto ilustrador em Nova Iorque, até se tornar um artista icónico do século XX.
 
Shiner caracterizou Andy Warhol como um artista de crescente sucesso e celebridade, de enorme significância na sociedade e cultura norte-americanas. Da sua obsessão com o consumo, ao fascínio por Hollywood e pelas celebridades, passando pelo envolvimento em áreas como o cinema, a música, a imprensa, Warhol foi um artista em sintonia com o século XX, demonstrando a sua qualidade enquanto produtor e a atenção às necessidades e desejos dos públicos, criando arte que era, ao mesmo tempo, estética, cognitiva, cultural e comercialmente atractiva. 
 
Eric Shiner é o director do Museu Andy Warhol, em Pittsburgh. A sua reflexão académica centra-se no conceito de transformação na fotografia, pintura e arte performativa no Japão do pós-guerra. Enquanto escritor e tradutor, contribuiu para a revista Art AsiaPacific. 
 
Esta conferência teve o apoio da Embaixada dos EUA. 

Toggle collapsible region

desenvolvido por white imago