PRODUZIR ARTE - Múltiplos de Arte

Sábado, 30 Abril, 2016 - 16:30

Ciclo de Conferências Carpe Diem Arte e Pesquisa

23 e 30 de Abril de 2016

16h30 | Entrada Livre

Rua de O Século, 79, 1200-433 Lisboa

 

A realizar uma residência de investigação desde Julho de 2015 no Carpe Diem Arte e Pesquisa, Luísa Salvador, artista e investigadora (IHA/FCSH/NOVA) criou um ciclo de conferências em torno de duas premissas-chave desta instituição: Residências de Arte e Múltiplos de Arte.

A missão do Carpe Diem Arte e Pesquisa baseia-se na investigação e pesquisa artística, através de um programa de residências semestrais. Os vários artistas são convidados a desenvolver investigações em torno do Palácio Pombal, resultando intervenções efémeras, de maior ou menor escala, que cruzam pesquisa artística com este espaço palaciano.

Dentro deste processo de criação, os artistas residentes são igualmente convidados a criarem um “múltiplo de arte”. Por “múltiplo” entende-se uma edição de autor de 10 a 30 exemplares que se assuma como índice da residência. Um vestígio que perpetua e resume a intervenção efémera do artista aquando da sua residência no Carpe Diem.

O ciclo de conferências PRODUZIR ARTE – Residências e Múltiplos pretende abrir o debate nestas duas áreas de actuação na arte contemporânea — Residências de Arte e Múltiplos de Arte.

Do mesmo modo, o segundo encontro, dia 30 de Abril, assumirá o formato do primeiro, tentando compreender similitudes e diferenças em projectos homólogos, dentro da temática dos Múltiplos de Arte. São convidados o Gabinete (espaço comercial especializado na venda de múltiplos de arte), Lavandaria + Paulo Lourenço (oficina de serigrafia especializada em pequenos projectos de autor e que convida o investigador Paulo Lourenço para este encontro) e Gamut (impressões e serviços digitais direccionados a fotógrafos, artistas, galerias e museus). Importa compreender se esta produção e venda de múltiplos de arte é algo com espaço de crescimento no panorama português, quais as diferenças que se apresentam em relação a uma obra original, ou se haverá margem para uma nova fase de colecções de arte em Portugal sob esta égide. O encontro será moderado pelo director artístico do Carpe Diem Arte e Pesquisa, Lourenço Egreja.

Concepção: Luísa Salvador

Produção: Carpe Diem Arte e Pesquisa

Parceiros: Instituto de História da Arte, Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa

Entrada: 

€0,00

Toggle collapsible region

desenvolvido por white imago