7.12.2013 | Performance Maria Ramos - Temps D'Images

Performance/Instalação a partir da peça ‘Something STILL Uncaptured’

 
Data: Sábado, 7 Dezembro 2013
Local: Carpe Diem Arte e Pesquisa, Salas Cave, Entrada Livre
Duração: Começa às 15h e termina quando anoitecer


Indicações para o visitante
Pretende-se que o público se desloque no espaço como um ‘explorador silencioso’, aproximando-se, detendo-se, caminhando em torno da ‘acção’. Gerindo o seu próprio tempo de observação, o público pode entrar e sair sempre que desejar.

Sinopse
No meu trabalho coreográfico tenho vindo a explorar dois princípios usados em escultura: ‘a imobilidade pode exprimir o seu oposto’ e ‘a melhor maneira de impulsionar movimento é fazê-lo através de um objecto estático’. Para criar movimento considero primeiro o espaço ‘vazio’ e nele, o ‘corpo’, num certo grau de imobilidade. Esta intervenção na Carpe Diem, construída como uma paisagem em acção, como um eco, uma reverberação do espectáculo Something STILL Uncaptured, incorporada por mais e diferentes corpos, é também uma experiência coreográfica num espaço expositivo, em que pretendo reflectir sobre o ‘corpo’ enquanto lugar e enquanto forma no ‘espaço’.

Biografia
Maria Ramos, coreógrafa e bailarina, desenvolve o seu trabalho coreográfico em Portugal desde 2009. Fez a sua formação na Hogeschool voor de Kunsten Arnhem (2000); Fórum Dança (2004); ‘ArtEZ Master of Choreography’ no ArtEZ Institute of the Arts (2008). Em 2006 inicia o projecto coreográfico ‘Um Certo Grau de Imobilidade’, caracterizado por acções artísticas de pesquisa, criação e formação, que engloba os seus últimos trabalhos e a nova criação 2013. Em Portugal o seu trabalho foi apoiado pela Fundação Calouste Gulbenkian e DGArtes, Internacionalização e Apoios Pontuais. Para mais informação sobre o trabalho de Maria Ramos clicar aqui www.mariaramos.net.

Para informação sobre a peça Something STILL Uncaptured clicar aqui: http://mariaramos.net/novacriacaomariaramos

Imprensa 2013: http://mariaramos.net/novacriacaomariaramos/imprensa-press

 

Instalação/Performance a partir da coreografia "Something STILL Uncaptured"
7 Dezembro 2013 // December 7, 2013
Carpe Diem Arte e Pesquisa

Ideia & direcção // Concept & direction
Maria Ramos

Desenvolvido em colaboração com // Developed in collaboration with
Martinho R. Fernandes
Interpretação & colaboração // Performance & collaboration
Marta Cerqueira & Benedetta Maxia
Participantes & convidados // Participants & guests
Helena Dawin, Sofia Dias, Johanna Langenbrink, Martinho R. Fernandes, António Louro, Gonçalo Prudêncio, Maria Ramos, Vitor Roriz
Parceiros // Partners
TMJB; Teatro Viriato; TEMPO - Teatro Municipal de Portimão
Apoio // Support
Carpe Diem Arte e Pesquisa; Festival Temps d'Images Lisboa; Espacio LEM (Buenos Aires/Argentina); EDCN; EIRA – produção e realização de espectáculos; Teatro do Bairro; O Espaço do Tempo; Demimonde; Auditório Fernando Lopes Graça/Câmara Municipal de Cascais; c.e.m; ArtEZ Institute of the Arts
Agradecimentos / With thanks to Fórum Dança; Vinny Jones; São Luíz Teatro Municipal; todos os que deram corpo à Performance/Instalação, agora e durante a Residência Artística no Espacio LEM e Workshop no Teatro TEMPO / everyone who embodied the Performance/Installation, now and during the Artistic Residency at Espacio LEM and Workshop at Teatro TEMPO
Apoio financeiro / / Financial support
Governo de Portugal / Secretário de Estado da Cultura – Direcção Geral das Artes
Produção // Production
M. Ramos & Produções Independentes

Para mais informação acerca de 'Something STILL Uncaptured' // For more information about 'Something STILL Uncaptured'
www.mariaramos.net

Video: Mafalda Relvas
Som:Francisco Salgado

Carpe Diem Arte e Pesquisa
2013

Toggle collapsible region

desenvolvido por white imago