Sala Verde: Slowtrack

Antes del océano (no somos extranjeros) [Diante do oceano (não somos estrangeiros)] é a primeira exposição de artistas espanhóis comissariada pela galeria madrilena Slowtrack para o centro cultural lisboeta Carpe Diem Arte e Pesquisa, cujo objectivo é a criação de vínculos reais entre os países vizinhos nestes momentos de globalização cultural, encontrar saudáveis aldeias globais através das quais tecer uma rede de contactos, cooperação e promoção cultural.

A exposição apresentará dois projectos específicos das artistas Clara Montoya e Laura F. Gibellini, produção artística de especial interesse porque partirá da relação que as artistas desenvolverão com o seu contexto no Carpe Diem.

O primeiro, de Clara Montoya, será uma peça espelhada que se centra no estudo da arquitectura do lugar. Por seu turno, o de Laura F. Gibellini, Intervalos, interrupções é um projecto concebido exclusivamente para o Carpe Diem e consiste num vídeo e vários desenhos na parede de elementos oceânicos (ondas) e atmosféricos (nuvens). As massas oceânicas assim como as atmosféricas não possuem normalmente uma representação específica e no entanto são fundamentais para o desenvolvimento da vida. O objectivo principal deste projecto é a interrogação sobre essas interrupções na representação e como o não-representado (o fluído, o ar, o oceânico) permanece não-reconhecido e como o não-reconhecido se manifesta assim como impensável. É a possibilidade de pensar o não representado que importa resgatar aqui.

[Inauguração: 30 de Maio]

www.slowtracksociety.com

File: 

Toggle collapsible region

desenvolvido por white imago