Notícias

Apresentação da Colecção Carpe Diem no Palácio das Artes no Porto

O Palácio das Artes acolhe a totalidade da colecção de Múltiplos do Carpe Diem, numa mostra inédita, de 6 de agosto a 12 de setembro.

A colecção tem, aproximadamente, 100 obras, que resultam da participação dos artistas no programa curatorial de residências do Carpe Diem Arte e Pesquisa. Em simultâneo, apresenta-se o Livro celebrando os 5 anos do projecto, editado o ano passado.

mais informação...

Relógio Pombal, 2015, Francisco Pinheiro

Francisco Pinheiro realizou, no contexto da sua residência, uma obra a partir do único sino existente no Palácio Pombal intitulada de "RELÓGIO POMBAL, 2015".

ÚLTIMA SEMANA // Francisco Pinheiro realizou, no contexto da sua residência, uma obra a partir do único sino existente no Palácio Pombal intitulada de "RELÓGIO POMBAL, 2015". Até dia 31 de Julho pode continuar a visitar a obra do artista no jardim do Carpe Diem.

Posted by Carpe Diem Arte e Pesquisa on Thursday, 23 July 2015

Faz parte da nossa equipa!

O Carpe Diem Arte e Pesquisa expande a sua vertente educativa através da integração regular de estagiários e de voluntários.
 
Ao fazer parte da equipa do CDAP oferece-se, entre outras, a hipótese de:
  • trabalhar num contexto artístico único, em proximidade com os artistas da programação durante as montagens e na pré-produção das exposições; 
  • desenvolver estratégias inovadoras de comunicação no âmbito das artes visuais; 
  • assistir a coordenação artística e de projectos especiais; 
  • compreender o funcionamento de uma organização sem fins lucrativos na área das artes visuais.
 
Todas as colaborações são em regime de voluntariado.
 
 
 
Disponabilidade
As candidaturas que não responderem a estes requisitos poderão não ser consideradas. Pedimos a vossa compreensão para o facto de, dada a grande afluência de candidaturas que o CDAP recebe, nem todas as propostas poderão ser respondidas.

Concerto | Corrina Repp

Quarta, 21 Outubro, 2015 - 21:30

A cantora norte-americana, Corrina Repp, já tem datas marcadas para a sua primeira passagem pelo nosso país. A apresentação do seu mais recente disco a solo, The Pattern Of Electricity, passa pelo Passos Manuel, no Porto, a dia 20 de Outubro, e pelo Palácio Pombal, em Lisboa, no dia seguinte.

Comparada a Cat Power e a Gillian Welch, Repp conta já com uma carreia discográfica de 17 anos. O seu primeiro álbum, A Boat Called Hope, foi editado em 1997 e a ele juntaram-se registos  em nome próprio como It’s Only the Future (2004)  e The Absent and the Distant (2006), e dois álbuns e um EP com a banda Tu Fawning.

Os dois concertos em Portugal prometem um ambiente intimo e introspectivo alinhado com a aura do seu mais recente trabalho, cujo single, “The Beasts Live in the Same Place”, já pode ser ouvido.

 

21 outubro · 21h30 · entrada 10€


 

Carpe Diem na Contemporânea

Contemporânea é uma revista digital mensal que inclui ensaios, entrevistas, perfis de artistas, textos críticos, seleção de exposições e reflexões várias sobre arte contemporânea.

Desta vez, pela mão de David Revés e com fotografias de Oxana Ianin e Teresa C. Sousa, relata o 19º Programa de Exposições que decorre entra 14 de Março e 31 de Julho 2015.

60/3 Concertos Improvisados | Sá, Mourão, Torres

Sexta, 17 Julho, 2015 - 19:00

Adriana Sá | zither + software
Nuno Morão | bateria
Nuno Torres | saxophone alto

 

O trio segue uma partitura sua que propõe um percurso musical lento com contrapontos de acontecimento imprevisto, no cruzamento e contaminação entre fontes analógicas e digitais, na procura da atenção individual em resposta ao avanço de um tempo finito, na variação de combinações entre as diferentes fontes sonoras.

Adriana toca zither e um software pessoal, que gera complexidade sonora com base na detecção do pitch da zither. Os sons acústicos e digitais por vezes convergem em uníssono, e outras vezes divergem com direcções independentes. Adriana acentua cromatismos e timings subreptícios, evitando desenvolvimentos fáceis.

Torres com percurso na pesquisa do saxofone, com foco na exploração de uma ampla gama de material sonoro através da utilização de técnicas extensivas. A amplificação do som é aqui matéria fundamental no recorte e detalhe do espectro do instrumento.

Morão, percussionista e baterista envolvido em variados projectos na área da música livre, experimental e jazz, desenvolve também um percurso como sonoplasta, director e professor de som, sobretudo em áreas como o cinema documental e os audiolivros. 

Tim Etchells, Lisbon’s Artist of the City

A video profiling the work of Tim Etchells, the 2014 Lisbon Artist of the City (Artista na Cidade). 

Every two years the major arts organisations in Lisbon, Portugal, come together to present a year of works by a single important contemporary artist. In 2014, this ‘Artist of the City’ was the British artist, writer and theatre-maker Tim Etchells.
Tim is perhaps best known as Artistic Director of Forced Entertainment, the iconic Sheffield-based performance company now celebrating its thirtieth year. 

The year-long programme involved many of Lisbon’s leading arts organisations: Alkantara Festival, British Council, Carpe Diem Arte e Pesquisa, CCB, Culturgest, EGEAC, Teatro Maria Matos, Teatro São Luiz, Temps d’Images, and Galleria de Arte Urbana.  

Explore the British Council’s Artist of the City INBOX (http://inbox.artistanacidade.com/en/) for essays and critical responses to the year by leading artists from Lisbon, and from Tim himself. 

The film was commissioned by the British Council, and created by Canal180.

Residência Ar.Co no Carpe Diem | Inauguração Sábado 27 de Junho das 18h às 20h

Sábado, 27 Junho, 2015 - 18:00

Os bons resultados das residências-piloto organizadas conjuntamente desde o ano de 2013 pelo Ar.Co e pelo Carpe Diem Arte e Pesquisa, levaram a que se tenha voltado a programar este evento no presente ano, como etapa final dos Cursos de Nível 1, 2 e Nocturno de Desenho e Pinturado Ar.Co. Pela primeira vez, a residência conta também com a presença dos alunos do Departamento de Cinema/Imagem em Movimento. Aliando a experiência pedagógica do Ar.Co à vertente cosmopolita e de interacção directa com públicos da Carpe Diem, criaram-se condições para congregar alunos num bloco de formação “extra”, fora da sala de aula e tornando os resultados públicos, sem outra pretensão que não seja ilustrar tipologias e métodos de trabalho desenvolvidas pela escola. Não se trata pois de seleccionar obras maduras e de excepcional desenvoltura, mas antes de partilhar, no que se poderá considerar “tempo real”, uma experiência pedagógica, vivida num clima simultaneamente descontraído, experimental e festivo. 

O fecho do ano escolar não foi o momento de parar, mas a oportunidade para um prolongamento da atenção, dedicação e empenho no “trabalho” de melhorar.

Ar.Co – Centro de Arte e Comunicação Visual

Inauguração: Sábado, 27 de Junho das 18h às 20h – até dia 4 de Julho.
Local: Carpe Diem – Rua de o Século nº 79 - Lisboa
Horário: quarta a sábado das 13h às 19h.

60/3 Concertos Improvisados | Miguel Sá

Sexta, 3 Julho, 2015 - 19:00

Miguel Sá (Eléctrónicas)

Miguel Sá, co-fundador há 25 anos da loja de discos Matéria Prima, tem já um vasto percurso nos domínios da "club music" e do experimentalismo electrónico, com formações como Zzzzzzzzzzzzzzzzzp!, A Parte Maldita, Whit, Prisma, Tra$h Converters e Producers. Os dois últimos projectos partilha-os com o operador intermédia Fernando Fadigas, a que se acrescenta a edição discográfica e curadoria com a variz_org

Drink & Draw com José Batista Marques

Quarta, 15 Julho, 2015 - 19:00

DRINK&DRAW / DESENHO na CAFETARIA do Carpe Diem DESENHO LIVRADO NO RISCO DA PALAVRA com José Batista Marques

O que é o desenho? A materialização do invísivel e o processo da prática individual à prática colaborativa. Proposta de elaboração de um livro de registos gráficos para doação à Sala de Leitura Paulo Reis do Carpe Diem Arte e Pesquisa.

 A partir do espólio da Sala de Leitura Paulo Reis, cada participante fará uma escolha/leitura em voz alta de uma frase que servirá de base para a construção de uma narrativa imaginada. Em seguimento, cada frase será atribuída aletatoriamente aos intervenientes e servirá de base para a criação de desenhos. Os registos gráficos/desenhos serão aglomerados e farão parte do livro.

 
Material a trazer para a sessão: materiais riscadores e afins, materiais cortantes (tesoura, x-acto, etc.), papéis variados, espírito criativo e colaborativo.

 ---

 José Batista Marques, 1975. Vive e trabalha em Lisboa, Portugal.
www.josebatistamarques.com // cargocollective.com/culpa

EXPOSIÇÕES INDIVIDUAIS (SELECÇÃO)
Boa Espera (Carlos Carvalho Arte Contemporânea . Lisboa, 2015),  A cor a terapia do impossível (Centre Municipal de Cultura La Mercé . Burriana Casteló, Espanha, 2011), O crime oculto (Galeria Gomes Alves . Guimarães, 2010), Odisseia Dor & Espanto (Carlos Carvalho Arte Contemporânea . Lisboa, Portugal, 2010), Branca Memória (Galería Bacelos . Vigo, Espanha, 2009), O sorriso de James (MCO . Porto, 2008), Commodoro (Carlos Carvalho Arte Contemporânea . Lisboa, 2006), Panorâmica 28 (Galeria Ara . Lisboa, Portugal, 2003), LUMINIL ReX (Galeria Ara . Lisboa, 2001).

PRÉMIOS
II Certamen de Dibujo Contemporâneo Pilar y Andrés Centenera Jaraba (finalista, Villa de Alovera, Guadalajara, Espanha, 2008), X Mostra Internacional Union Fenosa, (finalista, A Coruña, Espanha, 2008), XIII Premi d’Arts Visuals Ciutat de Burriana, (vencedor, Espanha, 2008), IV Certamen Internacional de Pintura de Castellón, (finalista, Espanha, 2008), 3º Prémio Rothschild de Pintura, (2º classificado, Banque Privée Edmond de Rothschild, Lisboa, 2007), Jovem Revelação – Artes Plásticas, (vencedor, Fundação Marquês de Pombal, Oeiras, 2006), 1º Prémio Rothschild de Pintura, (1ª Menção Honrosa, Banque Privée Edmond de Rothschild, Lisboa, 2003).

 

_________________________________________________________________

O Drink & Draw é uma iniciativa que promove o enconro entre artistas e público em geral, num ambiente descontraído, com o objectivo de pensar sobre a prática contemporânea do desenho. Com o apoio e selecção de Marta Ramos (www.martaramos.weebly.com), de Maio a Julho iremos contar com 5 sessões acompanhadas por 5 artistas diferentes. Pretende-se, assim, que cada artista apresente o seu trabalho através de exercícios lançados aos participantes, expondo o seu ponto de vista sobre o desenho. As respostas aos exercícios colocam-nos a todos, artista e público, num diálogo participativo e lúdico.

//

CALENDÁRIO DRINK&DRAW: 20 de Maio - Jorge Leal (www.flickr.com/people/jorgeleal)

2 de Junho - Sara Bichão (www.sarabichao.com/)

17 de Junho - Catarina Leitão (www.catarinaleitao.net/)

1 de Julho - Susana Guadêncio (susanagaudencio.com/)

15 de Julho - José Batista Marques (www.josebatistamarques.com)

 

As sessões começam às 19h e têm a duração de 2h.

Preço por sessão: 7€

Na cafetaria do Carpe Diem: Rua de O Século 79, Bairro Alto + informações www.carpe.pt

educa@carpe.pt

Pages

Toggle collapsible region

desenvolvido por white imago